ALGUMAS LIMITAÇÕES DA EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA NA FORMAÇÃO CONTINUADA DE PROFESSORES DE MATEMÁTICA EM SERVIÇO

Rudolph dos Santos Gomes Pereira, Klaus Schlünzen Junior, Bárbara Nivalda Palharini

Resumo


Este artigo apresenta uma análise preliminar de uma pesquisa que visa investigar as contribuições da Educação a Distância na formação continuada de professores de matemática em serviço com atividades de Modelagem Matemática, na modalidade semipresencial. Por se tratar de um recorte, analisa-se apenas as limitações encontradas no decorrer do desenvolvimento do processo formativo como forma de identificar e propor correções para futuras ofertas de cursos. O processo formativo envolveu professores de Matemática em serviço, durante um período de três meses, totalizando cem horas, o qual foi mediado pelo ambiente de aprendizagem virtual Moodle. Foram realizadas atividades de leitura de artigos científicos e atividades de Modelagem Matemática para permitir apropriação teórica e prática acerca da alternativa pedagógica de Matemática. A pequisa teve cunho qualitativo e para coleta dos dados foram utilizadas as ferramentas disponíveis no Moodle, como chat, fórum, e notas (memoriais) produzidos pelos cursistas no decorrer do curso. A análise dos dados apresentada neste artigo, pautou-se na análise textual discursiva que permitiu categorizar os dados coletados, interpretá-los e traduzi-los evidenciando as falas dos cursistas. As análises indicaram algumas limitações acerca da EaD na oferta do curso de formação continuada, mas que podem ser superadas para a oferta de outros cursos nesta modalidade e que não invializaram o objetivo do curso que era o desenvolvimento profissional dos cursistas.

Palavras-chave


Limitações; Educação a distância; Formação continuada de professores em serviço, Modelagem Matemática.

Texto completo:

PDF


ISSN - 1982-6109 - Qualis:B1