KHAN ACADEMY E DRAGON LEARN: UMA EXPERIÊNCIA COM O ENSINO DA MATEMÁTICA

Yngrid Karolline Mendonça Costa, Paulo Alexandre Filho, Daniela Nogueira de Moraes Garcia

Resumo


Este relato de experiência baseia-se na utilização das plataformas educacionais online  Khan Academy e Dragon Learn como recursos potencializadores do ensino da matemática, bem como da competência leitora. Sendo assim, objetivamos demonstrar o papel fundamental do professor como sujeito mediador para maximizar o uso das tecnologias de informação e comunicação disponíveis na contemporaneidade. Compactuamos com a ideia de que a implementação da Base Nacional Comum Curricular (BNCC) trouxe à tona a importância das ferramentas tecnológicas, que inseridas em situações de ensino-aprendizagem, fomentam o desenvolvimento de habilidades essenciais para os educandos do século XXI, incentivando, nos educadores, a busca por metodologias ativas e híbridas. Para tal, valemo-nos da pesquisa-ação e, inicialmente, fizemos uma revisão da literatura para, em seguida, descrevermos como se deu o trabalho com essas duas plataformas. O resultado preliminar, a partir da análise, evidenciou a função mediadora e flexível do educador e, também, a relevância das tecnologias na construção do conhecimento, no público da educação básica, mais especificamente, crianças pertencentes aos anos iniciais do Ensino Fundamental.


Palavras-chave


Khan Academy. Dragon Learn. Metodologias ativas e híbridas. Competência leitora. Ensino de matemática.

Texto completo:

PDF


ISSN - 1982-6109 - Qualis:B1