COGNIÇÕES DE PROFESSORES DE INGLÊS A DISTÂNCIA DO PROGRAMA E-TEC IDIOMAS SOBRE FEEDBACK CORRETIVO ON-LINE

Wellington Araújo Mendes Junior, Lauro Luiz Pereira Silva

Resumo


Neste artigo, problematizamos questões relativas ao feedback corretivo das práticas de professores-tutores em um programa de ensino de línguas estrangeira a distância, a partir de nossa experiência como professores-tutores e pesquisadores em Cursos de Licenciatura em Letras, nas modalidades presencial e a distância. Embasando-nos em referências sobre cognições de professores, crenças de professores, concepções sobre erro e feedback corretivo, focamos nossa experiência na análise das cognições de professores acerca do processo de correção e feedback em um curso de idiomas a distância oferecido pela Rede E-Tec de Idiomas. Assim, este artigo traz uma discussão sobre as cognições de professores de inglês nesta modalidade de ensino. Os resultados das entrevistas aos professores mostraram que eles acreditam que o fornecimento de correção aos erros em produções orais e escritas tem vantagens e desvantagens. Além disso, privilegiam por uma prática de correção direta ou indireta oriundas do ensino presencial.

Palavras-chave


Cognições de professores; Feedback Corretivo; Ensino de Línguas a distância. Programa E-Tec Idiomas.

Texto completo:

PDF


ISSN - 1982-6109 - Qualis:B1