JOGOS DIGITAIS COMO RECURSO DE ENSINO HÍBRIDO E APRENDIZAGEM REMOTA NA EDUCAÇÃO INFANTIL DE ACORDO COM A BNCC

Rita Angelita Farias, Djalma Marques de Messias, Juliano Schimiguel

Resumo


Resumo: A pandemia da Covid-19 criou barreiras para os educandos pela necessidade de atender as restrições ao espaço escolar, mas ao mesmo tempo nos mostrou outras e novas possibilidades propiciadas pela tecnologia. Entendemos que a escola e os profissionais ligados a Educação Infantil devem abraçar e utilizar as tecnologias disponíveis como smartphone, tablet, e-readers e computadores, de forma a possibilitar que a interatividade virtual seja instrumento de desenvolvimento cognitivo em um processo abstrato do conhecimento. Nosso objetivo é evidenciar os jogos digitais como uma atividade pedagógica no processo de ensino e aprendizagem, sobretudo no momento atual de aplicação de aulas híbridas e a distância na Educação Infantil, cujo conteúdo deve atender os Campos de Experiência: Espaços, Tempos, Quantidades, Relações e Transformações, definidos na BNCC. Sustentamos que o acesso das crianças pequenas, de 4 a 6 anos, a jogos digitais, pode estabelecer uma relação positiva para novas formas e de condições pedagógicas não pensadas anteriormente.


Palavras-chave


Jogos digitais, Educação Infantil, Ciências, Matemática, Tecnologia Educacionais.

Texto completo:

PDF


ISSN - 1982-6109 - Qualis:B1