METODOLOGIAS ATIVAS NAS AULAS DE LÍNGUA PORTUGUESA DO ENSINO FUNDAMENTAL I: UM RELATO DE EXPERIÊNCIA SOBRE O USO DO SMARTPHONE NO PROCESSO DE ENSINO E APRENDIZAGEM

Celia Aparecida Reginato, Paulo Alexandre Filho

Resumo


Este estudo tem como objetivo relatar uma experiência, com a utilização de metodologias ativas, vivenciada no transcorrer das aulas de Língua Portuguesa, do ensino fundamental I, a partir do uso do smartphone. Na contemporaneidade, observamos o quão as tecnologias digitais de informação e comunicação (TDIC) articulam-se com a realidade que, há tempos, transforma-se em virtude dos avanços tecnológicos. Sendo assim, a escola como agência de fomento cognitivo não pode estar à parte de todo esse processo social, envolvendo, sobretudo, os smartphones que já fazem parte da rotina da população, principalmente, crianças e adolescentes. Dessa forma, amparamo-nos na pesquisa-ação como metodologia, partindo de uma breve revisão de literatura para, na sequência, descrevermos sucintamente o desenvolvimento do trabalho, envolvendo as metodologias ativas e o uso do smartphone. Partimos da hipótese de que esse recurso atrelado à escolha teórico-metodológica pode elevar o nível de engajamento dos estudantes, bem como os resultados de aproveitamento.


Palavras-chave


Metodologias Ativas. Smartphone. Ensino fundamental. Língua portuguesa.

Texto completo:

PDF


ISSN - 1982-6109 - Qualis:B1