QUEBRANDO PARADIGMAS:Do preconceito à realidade da Educação a Distância

Jaison Sfogia Ricardo

Resumo


O presente artigo propõe estabelecer uma discussão sobre o preconceito que se observa diante da Educação a Distância sob os quesitos da qualidade e da composição de seu corpo discente, em seu caráter inclusivo. Para tanto, levanta a sua inserção aparentemente positiva em relação à cultura digital contemporânea, expõe as possíveis explicações históricas do preconceito quanto à qualidade da EaD e seu acesso pelas camadas populares, além de apresentar os dados mais recentes do Censo EAD.BR 2016 acerca da percepção do preconceito nessa modalidade de ensino.

Palavras-chave


Educação a Distância. Qualidade de Ensino. Preconceito.

Texto completo:

PDF


ISSN - 1982-6109 - Qualis:B1