MY ENGLISH ONLINE AND THE DEVELOPMENT OF COMMUNICATIVE COMPETENCE

Sebastião Lima, Gustavo Reges Ferreira, Kyria Rebeca Finardi

Resumo


O objetivo deste artigo é analisar o curso de inglês online My English Online (MEO) em relação à sua eficiência no desenvolvimento de competências comunicativa. Para tanto, o estudo oferece uma breve revisão da literatura de conceitos relacionados ao potencial do inglês para promover o acesso à informação (Finardi; Prebianca; Momm, 2013) e educação on-line (Finardi; Tyler, 2015); bem como o seu potencial para expandir este acesso através de ambientes virtuais de aprendizagem (Leffa, 2016); à aprendizagem de línguas assistida por computador (Cardoso, 2012); abordagens híbridas (Graham, 2006) como a abordagem da Sala de Aula Invertida (Lage; Platt; Tregial, 2000) para promover ensino e aprendizagem de línguas adicionais (Finardi, 2012; Silveira; Finardi, 2015). Os resultados de Finardi et al. (2014) e Finardi, Prebianca e Schmmit (2016) foram contrastados com a análise da MEO, levando em consideração a descrição de Bachman da Capacidade de Linguagem Comunicativa (Communicative Language Ability) e Competência Comunicativa (Bachman, 1990). Os resultados do estudo corroboram os anteriores (Finardi et al., 2014; Finardi, Prebianca; Schmmit, 2016) quanto à falta de feedback para as atividades de produção oral no curso MEO, para oportunidades de interação real e também feedback insuficiente para tarefas de produção oral. O estudo conclui, assim, que o curso MEO não reconhece a importância de aspectos pragmáticos no desenvolvimento da Competência Comunicativa e, como tal, deve ser utilizado no formato híbrido como forma de compensar essa lacuna.

Palavras-chave


MEO; Abordagens híbridas para o ensino e aprendizado de idiomas adicionais; Competência comunicativa; Competência Pragmática.

Texto completo:

PDF


ISSN - 1982-6109 - Qualis:B1