ANÁLISE DO PERFIL DOS ALUNOS DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA E DA QUALIDADE DO ENSINO NAS PRINCIPAIS INSTITUIÇÕES NO BRASIL

Simarly Maria Soares, Carla Silvana Oliveira Silva, Luís Paulo Souza e Souza, Adélia Dayane Guimarães Fonseca, Joanilva Ribeiro Lopes, Jansen Maxwell de Freitas Santana

Resumo


A Educação a Distância (EAD) tem elevada capacidade de expansão no ensino superior e também inclusão de pessoas que, de outra forma, não poderiam realizar um curso superior. Todavia, na mesma proporção discute-se qualidade da educação presencial em relação à modalidade EAD. Nesta perspectiva, o ensino superior no Brasil tem sido avaliado pelo Ministério da Educação para definir uma qualidade mínima e necessária para formação dos universitários. Para tanto, utiliza indicadores para acompanhar o desempenho de estudantes e das instituições, portanto, é pertinente analisar a qualidade da EAD a partir dos indicadores de ensino superior no Brasil, objetivo principal deste estudo. Na investigação, utilizaram-se como fontes livros, artigos publicados e a própria legislação específica de EAD, principalmente, o art. 80 da lei nº. 9.394/96 – Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (LDB), incluindo análise do relatório do Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes (ENADE) e de pesquisa da Associação Brasileira dos Estudantes de Ensino a Distância. Os resulta¬dos demonstraram que a maior parte dos universitários em EAD é do sexo feminino, possuem idade média de 33 anos e o resultado do ENADE demonstra qualidade de ensino na educação a distância.

Palavras-chave


Educação a distancia; Avaliação da EaD; Ensino Superior.

Texto completo:

PDF


ISSN - 1982-6109 - Qualis:B1